Vários transtornos de Personalidade ao mesmo Tempo

Um dos nossos leitores do Blog enviou a pergunta abaixo e a psicóloga Thaiana Brotto respondeu.

Pergunta do Internauta:

“Gostaria de saber se é possível uma pessoa ter vários transtornos diferentes: como transtornos de personalidade, TOC e depressão, ao mesmo tempo?”

Resposta da psicóloga Thaiana Brotto:

“D., boa noite,

Sim, isso é possível. Quando há mais de um transtorno associado nós chamamos isso de ‘outras comorbidades’. É quando existe mais de uma patologia num mesmo paciente, ainda que seja bastante possível que haja apenas um diagnóstico de base.

Note, contudo, que o diagnóstico e o respectivo tratamento devem ser feitos por um profissional.

Quer conhecer mais sobre a psicóloga Thaiana? Então conheça o perfil da psicóloga aqui. É possível também ver os horários disponíveis e os valores das sessões.

Psicóloga Thaiana Brotto

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.

Sobre o TOC – Transtorno Obsessivo Compulsivo

Sobre o TOC - Transtorno Obsessivo Compulsivo

Entenda o que é TOC

Texto original elaborado pela psicóloga Thaiana Brotto, psicóloga do Consultório Psicólogos Berrini em https://www.psicologosberrini.com.br/terapia-cognitivo-comportamental/tratamento-para-toc-transtorno-obsessivo-compulsivo/

A terapeuta comportamental Thaiana Brotto explica, de forma objetiva e clara, o que é o TOC (Transtorno obsessivo compulsivo), como identifica-lo e qual seu tratamento. Segundo a psicóloga, antes de qualquer coisa é preciso identificar o TOC. É comum que pacientes cheguem ao consultório dizendo que tem um TOC – e, na verdade, confundiu a doença com uma mania.

“Transtorno obsessivo compulsivo é um tipo de transtorno de ansiedade que é caracterizado quando a pessoa sofre de repetidas obsessões e/ou compulsões que afetam as funções sociais, educacionais ou profissionais do próprio individuo, seja pelo tempo dispendido com os sintomas ou pela aflição ou medo da própria pessoa. […] Uma compulsão é um comportamento, ou ritual, que a pessoa com Transtorno obsessivo compulsivo exerce repetidamente, seja devido às próprias obsessões ou devido a rígidas regras que a própria pessoa estabelece. Por exemplo, uma obsessão por ter as mãos demasiadamente limpas pode resultar numa compulsão por lavar as mãos a todo o momento.” – alerta Thaiana.

O tratamento para o TOC é encontrado na psicoterapia e/ou medicamentos. Esses medicamentos só poderão ser prescritos por um médico, após este avaliar o nível do transtorno do paciente, tendo mais efeito sendo acompanhado com o trabalho de um psicólogo.

Para ler sobre o assunto na íntegra, acesse https://www.psicologosberrini.com.br/terapia-cognitivo-comportamental/tratamento-para-toc-transtorno-obsessivo-compulsivo/

Psicóloga Thaiana Brotto

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.

Sobre o TAG – Transtorno de Ansiedade Generalizada

Sobre o TAG - Transtorno de Ansiedade Generalizada

Entendendo o TAG

O Transtorno de ansiedade generalizada, conhecido também como TAG, não é um termo comum para as pessoas. Por isso, a terapeuta comportamental Thaiana Brotto falou um pouco sobre o que é, qual o tratamento indicado, e como é possível identificar esse transtorno.

“O Transtorno de Ansiedade Generalizada é geralmente caracterizado quando a pessoa se sente persistentemente e excessivamente preocupada e tensa sobre várias coisas do seu dia a dia, geralmente esperando sempre pelo pior, mesmo quando não há razões evidentes para preocupação.” – alerta a psicóloga.

É possível notar o transtorno através de sintomas físicos, que muitas vezes podem passar despercebidos por nós, mas são sinais que já podem estar nos alertando que algo não vai bem.

Segundo a Dra. Thaiana, alguns dos sintomas são:

  • Dificuldades para dormir
  • Dificuldade de concentração
  • Tensão e dores musculares
  • Sentir-se sempre preocupado
  • Fadiga
  • Cansaço
  • Irritabilidade
  • Dores no estômago

O tratamento para o TAG é encontrado na psicoterapia e/ou medicamentos. Esses medicamentos só poderão ser prescritos por um médico, após este avaliar o nível do transtorno do paciente, tendo mais efeito sendo acompanhado com o trabalho de um psicólogo.

O paciente também pode tomar algumas medidas para ajudar na melhora do tratamento, como fazer exercícios físicos e de relaxamento.

Para ler sobre o assunto na íntegra, acesse https://www.psicologosberrini.com.br/ansiedade-sintomas-e-tratamento/tratamento-para-tag-transtorno-de-ansiedade-generalizada/

Psicóloga Thaiana Brotto

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.