Você consegue concluir tudo o que começa a fazer?

Categoria dos serviços da psicóloga: serviços variados de psicologia

Você é o tipo de pessoa que se anima a começar diversos projetos, mas larga tudo no meio do caminho? Saiba que essa característica pode prejudicar a sua produtividade.

Na verdade existem muitos motivos para as desistências acontecerem e, seja pela ansiedade ou pela falta de foco, começar e não concluir ciclos faz parte da realidade de grande parte da população mundial. Muitos, inclusive, precisam da ajuda de um psicólogo para sair dessa situação. E, como identificar as falhas desse tipo de comportamento e mudar o quadro?

Confira a seguir as dicas que daremos sobre o assunto e tenha mais produtividade em seu trabalho e vida pessoal.

Estabeleça prioridades

Muitas pessoas acabam desistindo de suas metas por ficarem presas a um cotidiano com compromissos demais. A sugestão para que isso não aconteça é priorizar as atividades do seu dia, e começar pelos objetivos pequenos até atingir os grandes.

Faça uma estimativa de prazo e esforço que levará para concretizar cada projeto. Dessa forma, fica mais fácil terminar o que começou e você terá um melhor planejamento para cada fase que o levará até o final do trabalho.

Esqueça o perfeccionismo

Está procurando por psicóloga em São Paulo para questões variadas sobre psicologia? Então conheça as psicólogas no nosso consultório de psicologia, confira o valor da consulta e agende uma consulta diretamente pelo site.

A maioria das pessoas usa o perfeccionismo como uma desculpa para não terminar suas coisas. E é aí que está o grande problema: não queira fazer uso da perfeição para cada projeto, cada tarefa, cada simples atividade.

Lembre-se que nem tudo sai da forma que queremos, mas isso não quer dizer que o planejamento não deu certo. Às vezes colocamos empecilho onde não deve existir e consequentemente largamos o que iniciamos logo na metade.

Procure ser mais positivo

Você sabia que achar fatores negativos em qualquer tipo de tarefa só pode resultar em obstáculos para sua finalização? Portanto, na próxima vez que começar algo, busque ver o lado bom das coisas. Você perceberá como as atividades fluirão com mais facilidade e ficará mais simples concluir o que começou. Tenha em mente que seus pensamentos podem influenciar os acontecimentos do cotidiano, tanto para melhor quanto para pior.

Converse com alguém sobre as tarefas

Para auxiliá-lo no processo de mudar o impulso de nunca terminar o que começou, uma opção é conversar com alguém e envolver esta pessoa no seu projeto. Compartilhe os seus planos com amigos, familiares ou com um psicólogo, por exemplo.

Em uma simples conversa com o profissional ficará mais simples identificar os fatores que o estão levando a este quadro. Em muitos casos, a procrastinação pode ser prejudicial para sua vida. Muitas pessoas adiam seus sonhos por medo e as sessões de terapia podem ajudá-lo a encontrar uma solução para este problema.

Reflita sobre o resultado final

Para não desanimar no decorrer do seu projeto, uma ótima ideia é pensar nos frutos que colherá no fim. Assim, você se concentra no que o fez se envolver na tarefa e pesará na balança tudo o que realizou até pensar em desistir do que deseja. Essa é uma excelente maneira de realizar seus maiores sonhos sem renunciar no meio do trajeto.

É muito importante identificar os sinais que estão sabotando a produtividade na sua rotina pessoal e profissional. Se mesmo com estas sugestões você não esteja compreendendo o que pode estar atrapalhando seu dia a dia, a melhor opção neste caso é buscar a ajuda de um psicólogo. Ele vai apontar a direção certa para você reverter a situação para o lado positivo.

Quem leu esse texto também se interessou por:

  • 5 dicas para acabar com a síndrome do impostor

    A Síndrome do Impostor
    Saiba o que é a Síndrome do Impostor e confira cinco dicas para acabar com ela.
  • Razão x Emoção

    Razão e Emoção é um conflito que há muito tempo permeia nossas vidas, relações, decisões. Entenda as principais características de acordo com a psicóloga
  • Psicologia Organizacional

    Psicologia Organizacional
    A psicologia organizacional e do trabalho tem o intuito de ajudar o profissional a lidar com os impecilios do dia-a-dia de trabalho. Leia e saiba mais!

Autora: Thaiana F. Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.