Ansiedade: Sintomas e Tratamento

O que é Ansiedade

A ansiedade pode ser considerada um dos grandes males modernos. Diferente da ansiedade normal, que sentimos na véspera de uma prova ou de uma reunião importante, a ansiedade patológica é um transtorno mental sério que, se não tratado, pode desencadear graves crises de pânico

Vamos entender melhor o que é e quais são os sintomas da ansiedade, e como você pode controlar esse quadro.

O que é a ansiedade?

A ansiedade é um estado psíquico natural que é muito útil para nos alertar de um perigo e fazer com que nos preparemos para enfrentá-lo. No entanto, com a vida corrida que muitas pessoas levam nas grandes cidades e as crescentes pressões profissionais, pessoais e financeiras, nossa mente não consegue relaxar e aproveitar momentos de descanso e bem-estar, gerando quadros intensos de ansiedade.

A ansiedade é um estado mental muito próximo do medo, mas, enquanto o medo é provocado por algum estímulo externo, a ansiedade costuma ter origens subjetivas.

Imagine um executivo que tem marcada uma reunião muito importante com os acionistas da sua empresa no dia seguinte e, é claro, está bastante ansioso com o encontro. Agora imagine que o executivo de nossa história já vem apresentando um histórico de ansiedade generalizada e que só de pensar na reunião no dia seguinte ele já começa a se sentir aflito e angustiado. Enquanto sente um medo justificável de que pode encontrar resistência por parte do seu público durante a reunião, ele começa a pensar em quadros bastante negativos, imaginando, por exemplo, que seria demitido no dia seguinte, que sua família perderia a casa onde mora por causa das contas que ele não poderia mais pagar, e que seu filho precisaria deixar a universidade particular em que estuda, colocando em risco sua carreira futura.

Conforme vai construindo esses quadros mentais, o nosso executivo sente o seu coração batendo de forma excessivamente acelerada, começa a suar frio e se sentir fraco, enquanto aumenta sua frequência respiratória. Se não conseguir respirar normalmente e relaxar, nosso executivo pode estar no início de uma crise de ansiedade. E, se não tratá-la, essa primeira crise pode se desenvolver em um preocupante transtorno de ansiedade, que pode chegar a gerar uma síndrome do pânico.

Sintomas da ansiedade

Para evitar que um estado de ansiedade se desenvolva para quadros mais graves, é de extrema importância identificá-lo precocemente para saber quais são os melhores tratamentos para o seu caso. Os sintomas são diversos e variam de pessoa para pessoa, mas listamos abaixo os principiais deles:

  • Dificuldade de relaxar devido a preocupações ou medos exagerados;
  • Pensamentos negativos repetitivos;
  • Preocupação crônica com saúde, finanças ou vida profissional;
  • Dificuldades para dormir;
  • Medo exagerado de situações específicas;
  • Incapacidade de controlar os pensamentos ruins e as preocupações;
  • Sensações frequentes de aflição e angústia.

Por que me sinto assim, ansioso?

Algumas pessoas que procuram por nós psicólogos chegam dizendo que estão com muita ansiedade e que não sabem o que fazer com isso. Outras, simplesmente chegam dizendo que não sabe o que têm – e no fim, descobrimos que é a tal da ansiedade.

Estar ansioso (a) ou ser ansioso (a) é algo muito sugestivo. Existem inúmeras razões para que uma pessoa possa se enquadrar na ansiedade. E este pode tanto ser um momento vivido pelo paciente quanto uma característica de sua personalidade. Em qualquer um dos casos é possível trabalhar em terapia.

A ansiedade passa a ser um incômodo quando o indivíduo percebe que não está mais conseguindo se concentrar em suas tarefas rotineiras, ou que passou a ter comportamentos totalmente prejudiciais, tais como insônia ou roer unhas, por exemplo. Alguns optam por calmantes, medicamentos naturais, ioga. Em alguns casos estes procedimentos podem sim ajudar, mas talvez (ou possivelmente) não corrijam a raiz do problema.

Acho importante ressaltar que uma das funções da terapia é mostrar ao paciente o porquê dele estar se sentindo desta forma, fazê-lo achar quais situações são causadoras desta sensação de ansiedade.

Ansiedade pode estar diretamente ligada a coisas que virão, ou seja, você sabe que na semana que vem fará a viagem dos seus sonhos, ou que terá uma apresentação no trabalho para mais de vinte pessoas e fica imaginando como será ou como você deve se comportar, etc. Tudo isso, inevitavelmente, gera ansiedade. Mas é importante descobrir a forma de lidar com ela, pois, como sugerido no exemplo acima, ela pode nos causar insônia, entre outras situações que podem nos prejudicar no ato de nossas funções e daquilo que tanto esperávamos que fosse acontecer.

Como o psicólogo pode me ajudar?

É sempre importante ressaltar que o trabalho na terapia depende dos dois: terapeuta e paciente. Antes de qualquer coisa, é importante que o paciente esteja aberto a compreender novas questões que possam surgir, e ajudar o terapeuta a interpretar as diferentes formas que o paciente possa ter de comportar-se diante de situações.

Assim, o terapeuta terá o objetivo de entender o que ocasiona os episódios de ansiedade do paciente, principalmente quando isto passa a ser algo corriqueiro. Sentir ansiedade vez ou outra é normal e todos nós sentimos. O problema está quando isso se torna parte do dia-a-dia e o paciente percebe que está o tempo todo ansioso, que está o tempo todo esperando por algo, sendo que sequer existe algo previsto para acontecer.

Na terapia, trabalhamos os pontos que podem estar causando mais tensão na vida do paciente, e o porquê dele sentir-se assim frequentemente. O objetivo é mostrar ao paciente quais as formas de lidar com isso, como proceder quando sentir que a ansiedade está incomodando, ou mesmo prever quais situações poderão deixá-lo ansioso, onde ele já poderá ter ferramentas para enfrentar isso.

Como disse anteriormente, estar ou ser ansioso não é predominantemente um problema, mas é algo que pode, sim, tornar-se mais equilibrado, evitando possíveis transtornos na vida do paciente.

Ansiedade
Será que preciso de ajuda?
A ansiedade é um dos problemas psicológicos que mais afeta os jovens e adultos de hoje em dia. Ela pode ser causada e agravada pelos fatores cotidianos que todos enfrentamos: a pressão para passar no vestibular, o medo de perder o emprego, os conflitos na família…
Agorafobia
O que é Agorafobia?
Agorafobia é um tipo de transtorno de ansiedade. Uma pessoa com Agorafobia geralmente tem medo de sair de um lugar que considera seguro, como por exemplo sair da sua própria casa. Em alguns casos a pessoa tem medo de lugares que considera difícil de ‘escapar ou sair’, ou ainda onde a ajuda possa não estar disponível. Situações comuns que causam medo …
Sintomas de Ansiedade
Transtorno ou “friozinho na barriga”?
Um número muito grande de pessoas procuram os consultórios de psicologia trazendo como queixa principal os sintomas de ansiedade para justificar todo o sofrimento psíquico que vêm enfrentando. A ansiedade tem sido definida, de maneira geral, como um estado emocional…
TAG – Transtorno de Ansiedade Generalizada
Transtorno de Ansiedade Generalizada
Sentir-se ansioso de vez em quando é normal, principalmente se sua vida anda bastante atribulada ou estressante. No entanto, quando a ansiedade começa a interferir nas atividades do seu dia a dia e você não consegue controlá-la, pode ser sinais de Transtorno de Ansiedade Generalizada – TAG. O Transtorno de Ansiedade Generalizada é geralmente caracterizado quando…
Dificuldade de concentração
A dificuldade de se concentrar nas tarefas cotidianas e a frustração por não conseguir completá-las incomodam desde crianças até adultos
Você tem milhões de coisas para fazer, mas a concentração não vem, o tempo passa e ansiedade e dispersão ficam cada vez maiores. Já passou por isso? A dificuldade de se concentrar nas tarefas cotidianas e a frustração por não conseguir completá-las incomodam desde crianças até adultos. Quem sofre com o problema sabe que focar em uma simples tarefa pode exigir um esforço descomunal…
Hipocondria
Entenda o que é, seus sintomas e tratamento
A hipocondria tem se tornado um particularmente um problema na era do Google, onde existe acesso a informações a respeito de praticamente todas as doenças (das mais comuns às mais raras e fatais). Os indivíduos que já sofrem de algum tipo de ansiedade, por exemplo, podem descobrir que seus sintomas são idênticos a doenças…
Como um psicólogo pode ajudar com a insônia
Como um psicólogo pode ajudar com a insônia
A insônia é um mal pelo qual vários de nós passamos na vida. As noites em claro – seja porque não conseguimos dormir nunca ou porque acordamos no meio da noite e não conseguimos retornar ao sono – afetam o bem-estar de várias maneiras: quem tem insônia chega cansado no trabalho, não consegue estudar porque perde a concentração, tem problemas de…
Leitura e o tratamento de ansiedade e estresse
Como a leitura é capaz de ajudar no tratamento de ansiedade e estresse
Quem está sofrendo com um quadro de estresse e ansiedade sabe como é difícil desligar a mente dos problemas e conseguir relaxar, nem que seja por apenas alguns minutos. Mesmo quando já estamos fazendo algum tipo de tratamento com o acompanhamento de um psicólogo, é interessante estudarmos algumas estratégias para conseguir criar momentos…
Como identificar a ansiedade
Como identificar a ansiedade
Em alguns momentos da vida, antes de reuniões importantes, entrevistas decisivas ou dificuldades financeiras, todo mundo se sente um pouco nervoso e ansioso. Porém, para algumas pessoas, a ansiedade é algo mais frequente, que atrapalha o andamento normal da vida…
Ansiedade pode atrapalhar na hora de engravidar
Ansiedade pode atrapalhar na hora de engravidar
Quando uma mulher decide que está pronta para ser mãe e começa a colocar a gravidez em suas prioridades, é comum a ansiedade aparecer. Isso porque a gravidez traz consigo diversas mudanças na rotina e no modo de viver, além de ser algo totalmente novo para as mamães de primeira viagem…

Psicólogos que atendem pacientes com queixa de Ansiedade:

Conheça o perfil da cada psicólogo que atende casos de Ansiedade na página Psicólogos. Você poderá ver as especializações, os textos individuais, além de saber o valor das consultas e agendar sua sessão.

Autora: Thaiana F. Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.