Newsletter Gratuita
Assine Aqui

Assertividade: saiba o que é e siga as dicas para você ser mais assertivo

Características de pessoas assertivas

Hoje em dia, falar o que se quer e ter a liberdade de pensar ou expressar seus sentimentos e opiniões tem sido cada vez mais comum. Mas será que esta liberdade, de fato, emancipa a condição de autonomia e libertação?

A assertividade, para a psicologia, não tem nada a ver com questões ligadas à liberdade de pensamento ou desabafo de julgamentos e opiniões. Trata-se de uma postura positiva em relação a si e às situações da vida.

Desta forma, a assertividade não possui qualquer relação moral com aquilo que é considerado correto ou justo. É, sim, uma forma de manifestar atitudes, posicionamentos e ações práticas, no sentido de qualidade comportamental.

As teorias do temperamento são bastante antigas. Desde a época clássica grega, psicólogos, em geral, utilizam a ideia de quatro grandes grupos comportamentais: agressivo, passivo, agressivo/passivo e assertivo.

O que é a assertividade?

Trata-se da qualidade de uma pessoa ser positiva ou, na maioria dos casos, afirmativa. A pessoa que possui estas qualidades demonstra comportamentos como autoconfiança, sinceridade e honestidade.

A assertividade é a capacidade emocional e poder de ação que um indivíduo tem ao posicionar-se perante os outros e principalmente consigo mesmo. De outra forma, a assertividade determina nossas escolhas perante os outros.

Mas, a assertividade não significa apenas possuir certeza sobre tudo e permanecer na condição de positividade a qualquer custo.

Uma pessoa assertiva tende para o pensamento positivo, e não obrigatoriamente está sempre nesse estado. Mesmo que cometa falhas ou tenha decepções, ela sempre tentará tirar algo bom disso, tendo pensamentos e atitudes otimistas.

Quais as vantagens de ser uma pessoa assertiva?

Uma pessoa assertiva não se interessa por rodeios, ela desenvolverá aptidões para a objetividade. Ela será franca, aberta e sincera na maioria de suas condutas e modos de se expressar e dialogar com outras pessoas.

As relações sociais de uma pessoa assertiva provocam verdadeiras mudanças em torno de si.

Valor consulta atendimento online e presencial psicóloga Juliana






Não quero informar nome ou e-mail





Não devemos confundir, novamente, ser assertivo com ser ou falar o que se considera certo. Aqui está posto a questão da sinceridade, independente do julgamento moral. Nem toda pessoa sincera é assertiva, mas toda pessoa assertiva é sincera.

A assertividade está inserida na capacidade de controlar as emoções, para que a sua consciência seja racionalizada e materializada na ação prática positiva.

Por isto, a pessoa assertiva afirma um posicionamento mais claro e firme e dificilmente estará hesitante em relação a alguma coisa.

No momento em que dela se apodera uma indecisão, ela saberá imediatamente como agir, mesmo sem ter conhecimento do assunto em questão.

A afirmação positiva constante garantirá para a pessoa assertiva um acréscimo e grau na sua autoestima. A assertividade possui as seguintes vantagens:

Com toda certeza, a pessoa assertiva possui mais saúde em suas condições emocional e psicológica. Diferentemente de um robô, que deleta as emoções e os conflitos pela lógica, a pessoa assertiva sabe lidar com seus problemas de outra forma.

O processo de autocrítica e impessoalidade na hora de fazer uma crítica exprimem como a assertividade é possível mesmo para quem não tem propensão ao otimismo.

A assertividade não é uma dádiva herdada, ela se adquire via construção pessoal e por ambientes que favorecem a sua capacidade.

Assertividade

Características de uma pessoa assertiva

Comunicação

A pessoa assertiva se comunica de forma muito mais objetiva do que as demais, por acreditar que ser transparente é o caminho mais fácil.

As pessoas que se aproximam de um indivíduo com estas características são estimuladas pela sua clareza e simplicidade, o que acaba gerando boas influências ao seu redor. Estas pessoas resolvem conflitos por meio da diplomacia e da credibilidade.

Pacificidade e não passividade

Quer receber mais conteúdos como esse?

Deixe seu e-mail abaixo e receba semanalmente conteúdos gratuitos
Politica de Privacidade
Não se preocupe, não fazemos spam.

O que significa isso?

Qual é a diferença entre ambos os termos?

A pessoa de temperamento passivo dificilmente se levantará contra algum tipo de dominação, individual ou coletiva. Já a que possui temperamento pacífico poderá apresentar com clareza que a solução da inércia ou omissão, não levam a lugar nenhum.

Resumidamente, pessoas assertivas buscam resolver seus problemas por meio da diplomacia, mas se esforçam para sair da situação desconfortável.

Já as pessoas passivas preferem não se manifestar e aceitam qualquer circunstância, independente do prejuízo que ela venha causar.

Felicidade

Os Psicólogos

Conheça os psicólogos do nosso consultório, área de atuação, abordagens e especializações.

EQUIPE DE PSICÓLOGOS

A pessoa assertiva trata o seu modo de ver o mundo de forma mais natural do que as pessoas com temperamento irascível ou passivo.

Enquanto estas necessitam de certos tipos de compensações por serem mais “extremas”, a assertiva contemplará o seu próprio universo sem causar compensações a si mesma.

Esse é um dos principais motivos por elas serem menos propensas a vícios e compulsões. A felicidade é uma das características de pessoas assertivas.

Autoconfiança

Esta é uma das principais características das pessoas assertivas, já que reconhecem a sua capacidade de orientar suas ideias de acordo com suas posturas pessoais frente às demais pessoas.

Normalmente são excelentes planejadoras e executoras, porque ela própria determina a sua linha de raciocínio com clareza.

Respeito

Resumindo todos os aspectos e características anteriores, o respeito está entre o mais importante sinal e indicativo das pessoas assertivas.

É por meio dele que a comunicação objetiva, a felicidade de sentir-se livre das amarras emocionais, a autoconfiança em si, tornam a pessoa mais comprometida com a aceitação e perspectivas diferentes da sua.

De certa forma, o autoconhecimento ajuda muito esta pessoa a entender como funciona o mundo das relações interpessoais.

Autoaceitação

Aceitar a si mesmo é uma das maiores dificuldades que as pessoas têm hoje em dia. A busca incessante pelos valores alheios ou o individualismo extremo são os motivos mais frequentes para a diminuição da assertividade e da felicidade.

Por isso, muitas pessoas buscam ter características de pessoas assertivas. E isso é possível mudando seus hábitos. É importante lembrar que comportamentos podem demorar para mudar, portanto, não desista.

A assertividade é um comportamento que vale a pena ser desenvolvido

Para tentar começar a mudar as posturas diante das situações contraditórias ou problemáticas do cotidiano, aqui vão algumas dicas para a prática da assertividade:

  • Primeiramente ouça, escute sempre o que o outro diz, independente como ele se expressa;
  • Tente ser compreensivo em relação a opiniões diferentes da sua; não faça pré-julgamentos;
  • Se não concordar com o argumento, evite responder agressivamente, apenas reforce mentalmente o seu posicionamento com uma argumentação clara, objetiva e factual;
  • Não faça rodeios ao argumentar, a menos que determinada explicação exija uma introdução a algum assunto específico;
  • Cuide do tom de voz e de gestos agressivos; a forma de falar e de articular expõem de antemão a sua argumentação de modo negativo, independente da sua razão;
  • Tenha humildade em não saber; o fato de não ser o dono da verdade não o fará menor incapacitado para sempre aprender e mudar;
  • Busque modelos de comportamentos assertivos;
  • Empatia: colocar-se no lugar de outra pessoa, para entender o que ela pensa e sente;
  • Objetividade: ser pontual na medida do possível, mostrando como as suas decisões podem ser discutidas com clareza e sem interesses ocultos;
  • Honestidade: saber admitir seus erros e entender que suas opiniões não são certezas fundamentais;
  • Flexibilidade: posicionar-se no sentido de estar sempre aberto a opiniões divergentes e capaz de mudar de ideia para melhorar a si mesma.

Conforme vimos, uma pessoa assertiva possui grande autoconhecimento, controle de sua vida e de sua felicidade. A assertividade pode ser adquirida ao mudar seus hábitos e rotinas. Um psicólogo pode ajudar neste processo.

Por que algumas pessoas têm dificuldade em desenvolver a assertividade?

A assertividade está relacionada com a habilidade de dizer e agir conforme a ética e o bom senso que necessário em cada momento.

Sem ela, é praticamente impossível praticar a livre comunicação e o ideal de pensar e dizer livremente as coisas, com respeito.

A intolerância é o descontrole emotivo que automaticamente geram comportamentos agressivos e irracionais.

Quando falta assertividade para uma pessoa, é comum que ela enxergue o mundo repleto de culpas e erros. Geralmente, esses erros são justificados pelas ações dos outros e não de si, é praticamente penoso construir atitudes assertivas.

Guia Completo de Como Selecionar seu Psicólogo

Se você é daqueles que gosta de entender tudo nos mínimos detalhes, então esse guia é para você! No guia completo você vai conhecer todo o processo desde onde procurar e selecionar um psicólogo, como é a primeira consulta, como se preparar para a terapia, como é o processo terapêutico e até como avaliar os resultados.

COMO SELECIONAR O SEU PSICÓLOGO

Muitas vezes, para estas pessoas, é preferível andar em círculos, fugir do confronto, justificar a culpa em situações externas, não agir, do que assumir claramente uma naturalidade.

Primeiramente, a assertividade se relaciona com escolhas. Na maior parte do tempo a pessoa sabe o que é certo dizer, ou ter noções sobre ser franca e honesta, falar com retidão e abandonar pensamentos negativos.

As informações e o acesso a elas são garantidos no mundo moderno. As escolhas no trajeto da vida indicam as orientações tomadas no sentido de ser assertivo ou não ser.

Respeitar as opiniões diferentes e saber posicionar-se perante condições adversas é tão importante quanto o saber iluminado.

Ser uma pessoa assertiva faz parte de um processo que precisa ser construído aos poucos. Se você está em busca de desenvolver esse comportamento e tem encontrado dificuldades pelo caminho, busque a ajuda de um psicólogo que indique a terapia adequada para lidar com essas adversidades. Isso ampliará as possibilidades de se tornar uma pessoa assertiva.

Quem leu esse texto também se interessou por:

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.

Sobre Thaiana Filla Brotto

Thaiana é psicóloga e CEO do consultório Psicólogos Berrini. Psicóloga formada em 2008 pela PUC-PR, com pós-graduação pela USP em Terapia Comportamental e pós-graduanda em Terapia Cognitiva Comportamental pelo ITC. Thaiana Brotto é registrada no Conselho Regional de Psicologia sob o número 06/106524

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *