10 dicas que ajudam a combater o mau humor

Categoria dos serviços da psicóloga: serviços variados de psicologia
10 dicas que ajudam a combater o mau humor

Nada melhor para começar um bom dia do que acordar de bem com a vida, não é mesmo? Mas todos nós sabemos que nem sempre isso é possível. Às vezes, uma noite mal dormida ou algum problema no trabalho faz com que a pessoa acorde de mau humor. O segredo é sabe responder a seguinte pergunta: como fazer para que isso não comprometa o dia todo e atinja outras pessoas? Existem algumas dicas para combater o mau humor. No entanto, quando ele se tornar persistente, o ideal é consultar um psicólogo para descobrir e tratar a raiz do problema.

Combatendo o mau humor

Quando você acorda mal humorado, há duas alternativas: levar isso para o resto do dia, sabendo que não será bom para ninguém que está aoseu redor (e nem para você mesmo) ou buscar algumas atitudes para melhorar o humor e salvar o seu dia. Vamos às dicas!

Está procurando por psicóloga em São Paulo para questões variadas sobre psicologia? Então conheça as psicólogas no nosso consultório de psicologia, confira o valor da consulta e agende uma consulta diretamente pelo site.

1. Ria de si mesmo e não leve tudo tão a sério. Lógico que existem momentos que você precisa ter seriedade para conduzir certas situações, mas um pouco de alegria torna o seu dia mais leve.

2. Evite o “contágio”. Isso mesmo: o mau humor muitas vezes parece ser contagioso. O melhor a fazer é afastar-se de pessoas negativas e que só reclamam. Cerque-se de gente alegre, positiva e com as quais você tem prazer em estar.

3. Saia da rotina, tire uma horinha por semana para fazer algo que você gosta, bater um papo com alguns amigos (bem-humorados, de preferência), por exemplo, ajuda a aliviar as tensões do cotidiano e estimula a rir um pouco.

4. Exercícios são ótimos para manter o bom humor. Pratique alguma atividade que gosta, nem que seja só uma caminhada. A atividade física libera endorfina e vai fazer bem para o corpo e para a mente.

5. Alegre-se na simplicidade: assista a uma boa comédia, dance ouvindo o rádio do carro, cante no chuveiro, tome um sorvete. Coisas simples podem tornar o seu dia um pouco mais alegre.

6. O problema é o trabalho? Tente buscar uma solução para o que está te incomodando, mas reserve também um tempo para você. Isso o deixará mais forte para lidar com as dificuldades.

7. Ative lembranças de conquistas alcançadas após passar por momentos difíceis. Essas memórias vão mostrar que você consegue vencer e vão lhe deixar mais calmo e relaxado.

8. Ajude alguém sendo um voluntário em algum programa. Fazer o bem aos outros é um poderoso antídoto contra o mau humor e faz com que a pessoa se sinta útil e feliz.

9. Deixe a dieta um pouco de lado e coma um chocolate. O chocolate meio amargo, por exemplo, estimula a produção de endorfinas e contém serotonina, melhorando o humor e espantando a depressão.

10. Coloque o mau humor para fora. É simples. Por 15 minutos, esbraveje num lugar que ninguém veja. Grite e solte sua raiva em um local fechado. Depois desses 15 minutos, o seu mau humor vai embora e você pode ser feliz de novo.

Psicólogo contra o mau humor

Além dessas, existem muitas outras dicas de como combater o mau humor. Você deve identificar o que lhe traz alegria e relaxamento. Porém, quando nada disso funciona, é hora de buscar ajuda de um psicólogo. Quando acordar de mau humor se torna rotina e você não consegue se livrar desta situação ao longo dos dias, pode haver uma raiz mais profunda neste problema que você não está conseguindo enxergar.

A consulta a um psicólogo poderá ajudar a esclarecer o que está lhe causando o mau humor contínuo. Através do diálogo, o psicólogo poderá identificar emoções, pensamentos e comportamentos que estão levando a este sentimento. A terapia com um psicólogo ajudará a mudar o seu comportamento de maneira a encontrar a alegria e o bem-estar diário.

Outros textos que podem lhe interessar

Autora: Thaiana F. Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.