É possível ser plenamente feliz?

É possível ser plenamente feliz?

Diariamente escuto o questionamento é possível ser plenamente feliz? e posso dizer de prontidão que é possível chegar a algumas hipóteses sobre alegria, felicidade e satisfação.

Primeiramente devo dizer algo que para alguns possa ser muito conflitante: é difícil ser feliz e trabalhoso conquistarmos felicidade plena. Mas nada é impossível, apesar de muitas vezes ser doloroso passarmos por momentos difíceis e ainda nos cobrarmos para ser felizes com as situações-problemas que a vida nos oferece.

A primeira pergunta é: Você faz o que gosta? Segunda: Você faz escolhas justas para sua vida?

É claro que nem sempre fazemos escolhas porque gostamos de algo, afinal temos que fazer várias coisas por obrigação. E isso é normal. Entretanto, passar por momentos de conflito, tristeza, depressão, ansiedade ou problemas de forma geral pode ser vista como uma forma de construir uma felicidade no futuro.

A resposta para o tema do texto é: sim, é possível sermos felizes plenamente. Porém não precisamos ser felizes o tempo todo, já que isso seria humanamente impossível. É evidente que quem se sente triste e infeliz quase todos os dias pode estar deprimido, tornando-se uma pessoa infeliz. Mas para que você conquiste felicidade plena é necessário que você saiba cada vez mais como lidar com problemas de forma madura, saber elaborar sentimentos e saiba resolver situações aversivas.

Quando resolvemos problemas mais rapidamente e sem tanto sofrimento, chegamos mais rápido a momentos felizes e esses momentos aumentarão com o tempo. Caso você não seja bom com problemas e não consiga resolve-los, então talvez seja a hora de você trabalhar esse comportamento.

Não existe uma vida sem dificuldade. Os problemas e situações ruins inevitavelmente aparecerão. Mas você saberá colocar limite neles, ou apenas resolverá de forma leve cada situação. E resolver de forma leve é o mesmo que saber como enfrentar situações ruins. Não podemos fugir delas!

Ao resolver problemas você criará um aprendizado mais refinado de como reagir diante de outros problemas que aparecerão ao longo da sua vida. Consequentemente, quando aprendemos algo, seja bom ou ruim, podemos administrar com mais facilidade novas situações parecidas.

Em suma, você não estará feliz porque as coisas vão bem, mas sim as coisas vão bem por isso você se sentirá feliz.

Quero dizer que nossa felicidade depende de como agimos diante de situações e das condições do ambiente em que vivemos. Um terapeuta certamente poderá ajudar você a aprender a lidar com problemas, cobranças e situações aversivas.

Autora: Natacha Barbosa (Psicóloga CRP 06/109800)

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.