Técnicas que te ajudam a lidar com a depressão

Categoria dos serviços da psicóloga: depressão
tecnicas-que-te-ajudam-a-lidar-com-a-depressao.jpg

Os sintomas de depressão podem ser bem desagradáveis. Mas é possível lidar com a depressão e diminuir o mal-estar. Leia esse texto e veja como.

Lidar com a depressão é algo complicado. Isso porque a depressão tem várias sutilezas e nem sempre é tão óbvia. Seja como for, aqueles que lutam com a depressão passam por uma batalha difícil, e muitas vezes acabam entrando em um ciclo vicioso de sofrimento, citam os psicólogos.

O constante sofrimento que a depressão gera faz com que as pessoas “desacelerem na vida”, ou seja, pouco a pouco percam a vontade de fazer as coisas que fazem bem. Aos poucos a pessoa deixa de se divertir, de encontrar pessoas e amigos, não consegue mais trabalhar… E isso acaba gerando ainda mais frustração, o que agrava o problema tornando ainda mais difícil a tarefa de lidar com a depressão.

Está procurando por psicóloga em São Paulo para depressão? Então conheça as psicólogas no nosso consultório de psicologia, confira o valor da consulta e agende uma consulta diretamente pelo site.

>>> Depressão: é possível tratar?

Por isso é importante criar estratégias para lidar com a depressão e recuperar a alegria de viver. Este texto irá ajudá-lo com algumas dicas. Confira!

Dica 1. Aceite sua mente e seus sentimentos

Raramente nosso coração e mente andam juntos, de mãos dadas, não é mesmo? Quem nunca passou pela batalha coração versus razão? Isso certamente não é uma novidade, mas você sabia que isso pode ser uma vantagem para conseguir lidar com a depressão?

Por exemplo, você pode estar se sentindo estressado e pressionado por causa de alguma conta para pagar. No entanto, ao invés de deixar essa ansiedade dominá-lo, o que pode até mesmo gerar uma crise, use seu tempo para fazer atividades agradáveis. Cozinhe, leia um livro, faça uma maratona de seriados, enfim…

Quando você perceber, terá pago a dívida e não terá piorado durante o processo. Use seus sentimentos a seu favor. Ao deixar a angústia dominá-lo, isso pode até mesmo levá-lo ao erro.

Dica 2. Planeje a alegria, não espere acontecer

Nosso comportamento normal é de esperar sentir vontade de fazer algo que nos dê prazer. Por exemplo, imagine que um dos seus hobbies seja cozinhar. Você sabe que essa atividade lhe dá prazer e bem-estar. Mas só a faz quando tem vontade…

>>> Como prevenir a depressão

A novidade aqui é que você não precisa esperar ter essa vontade para fazer e se sentir bem. Faça de qualquer maneira, principalmente quando se sentir triste e para baixo. Irá sentir o mesmo bem-estar que se tivesse agido por impulso.

3. Dicas práticas para lidar com a depressão

Você sabia que pequenas alterações na sua rotina podem trazer benefícios imensos e alívio para os sintomas da depressão? Você não precisa fazer tudo de uma vez. Vá incorporando essas atividades uma por uma. Quando perceber, terá realizado uma grande mudança em sua vida. E se sentirá muito bem. Confira algumas sugestões de atividades:

  • Estabeleça metas para seu dia. Planeje seus dias fazendo uma lista das atividades. Tente manter esse plano o mais próximo possível.
  • Quando você gosta de uma atividade, tente aumentar a quantidade de tempo para ela.
  • Não se compare com a maneira que você era antes da depressão. Somos seres cíclicos e em constante mudança.
  • Recompense-se por seus esforços. Peça a outras pessoas ao seu redor para incentivá-lo e elogiá-lo por cada pequeno passo que você der. Recuperar-se da depressão é como aprender a andar novamente depois de quebrar a perna.
  • Se uma tarefa parece muito difícil, não se desespere. Divida a tarefa em pequenas tarefas. Além de ser mais fácil, você sentirá satisfação em cumprir cada pequena tarefa.

Estas são apenas algumas dicas de como lidar com a depressão. Elas irão ajudá-lo a aliviar os sintomas, porém, não substituem a terapia. Isso porque a depressão possui uma imensa variedade de causas, e às vezes ela é associada a outros transtornos. Portanto, apenas um psicólogo poderá ajudá-lo a reverter esse quadro.

Gostou do artigo? Então pode se interessar por esse também: O que é depressão?

Outros textos que podem lhe interessar

Autor: Thaiana Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)
*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.